Voltou do almoço agora? Não escove seus dentes!

Ao ingerir alimentos e bebidas ácidas, você deve esperar pelo menos 30 minutos antes de escovar os dentes.

IMG_7611

Este é o tempo necessário para que a saliva possa agir e neutralizar o pH ácidos de alguns alimentos e bebidas como  café, o vinho, o refrigerante e o suco de laranja, por exemplo, evitando assim a erosão dental.

A erosão dental ácida é a perda da estrutura dental chamada esmalte (camada externa dos dentes)

Pode ser identificada facilmente:

– Descoloração dos dentes, desgaste do esmalte, exposição da dentina (camada que fica logo abaixo do esmalte).

– Sensibilidade dentinária, porque o esmalte desgastado expõe a dentina, que é mais permeável do que o esmalte, sendo mais sensível ao toque, ao ar, à força da mordida e à exposição ao ácido.

– Bordas dos dentes frontais com aparência transparente, lisa ou desgastada.

Só não esqueça de escovar após esses 30 minutos!

Anúncios

Dia do Beijo!

Aproveite o dia do beijo!

Visite seu dentista regularmente e evite problemas de saúde bucais e doenças que podem ser transmitidas pelo beijo como, por exemplo: gripe, mononucleose (doença do beijo) e herpes.

ScreenShot0011

Dia Mundial de Combate ao Câncer – Faça o Auto Exame

Segundo a Revista Científica Dentistry, nos últimos 20 anos, o índice de câncer bucal aumentou 50% na população mundial e já é o quarto tipo de câncer que mais mata no planeta.

Nesta sexta-feira (8) é celebrado mundialmente o Dia de Combate ao Câncer, data que tem como objetivo chamar a atenção da sociedade em geral para o crescimento dos índices da doença, que, segundo o IBGE, vem crescendo continuamente nas duas últimas décadas.

cancer-bucal

O autoexame é simples e eficaz, pode ser feito diante do espelho em um local bem iluminado, verificando-se lábios, língua (principalmente as bordas) assoalho (região embaixo da língua) gengivas, bochechas, palato (céu da boca) e amígdalas. “A inspeção da boca, frente ao espelho, com uma boa iluminação, é um método simples, inócuo e que permite avaliar rapidamente lesões suspeitas, tendo um importante papel na prevenção e diagnóstico precoce do câncer”, diz o oncologista Ricardo Caponero, da Clinonco.

Deve ser feito regularmente, observando-se se não há anormalidades como: mudança de coloração, áreas irritadas debaixo de próteses (dentaduras, pontes móveis), feridas que não cicatrizam em uma semana, dentes fraturados ou amolecidos, caroços ou endurecimento. “Deve-se prestar atenção para placas esbranquiçadas persistentes e aftas que não cicatrizem de três a cinco dias”, afirma o especialista. Mesmo sem encontrar nenhuma alteração, a visita anual ao dentista não deve ser esquecida.

1. De frente para o espelho, lave a boca, toque suavemente com as pontas dos dedos toda a face para ver se há algum sinal que não havia notado anteriormente.

2. Puxe o lábio inferior para baixo e apalpe a mucosa. Em seguida faça o mesmo com o lábio superior.

3. Com o dedo indicador, examine os dois lados da bochecha.

4. Ainda com a ponta do dedo indicador, examine a gengiva.

5. Introduza o dedo indicador por baixo da língua e o polegar da mesma mão por baixo do queixo. Em seguida, procure tocar todo o assoalho (a base) da boca.

6. Incline a cabeça para trás e examine o céu da boca. Diga AAAA e observe o fundo da garganta.

7. Ponha a língua para fora e observe a parte de cima dela. Repita a observação com a língua levantada até o céu da boca. Em seguida, puxe a língua para esquerda e depois para a direita.

8. Toque toda a extensão da língua.

9. Examine o pescoço. Compare os lados direito e esquerdo e veja se há diferenças entre eles. Veja se existem caroços ou áreas endurecidas. E, finalmente, introduza o polegar por debaixo do queixo e apalpe suavemente todo o seu contorno inferior.

 

Uso aparelho ortodôntico, posso comer qualquer tipo de alimento?

Uma das maiores preocupações de quem inicia uma correção com aparelho ortodôntico fixo é o que pode ou não pode comer com o aparelho.

Nem sempre se vê ortodontistas com a preocupação de orientar seus pacientes sobre estes cuidados tão importantes, mas o inverso também acontece: muitos pacientes não tomam o devido cuidado com a alimentação. Quando isto acontece, aparecem os problemas: cáries, braquetes quebrados (descolados), fios ortodônticos que entortam e saem do lugar, problemas periodontais e mais uma infinidade de coisas que podem provocar dores e atrasar o tempo de tratamento ortodôntico.

aparelhos-odontologicos.jpg

  • Alimentos muito duros 

Deve-se evitar comer frutos secos, como nozes e avelãs. Milho, pipoca, rapadura e pé de moleque e pirulitos também estão incluídos nesta categoria. Além de poder descolar braquete, danificar ou quebrar outras partes do aparelho ortodôntico, estes alimentos podem ficar retidos e provocar uma dificuldade acrescida na higienização.

  • Alimentos grudentos e pegajosos 

Entende-se por alimentos pegajosos tudo que pode ficar colado no aparelho: chiclete, caramelos, balas e tudo o mais que possa ficar colado no aparelho.

  • Alimentos fibrosos 

Alguns alimentos possuem muitas fibras, como é o caso de frutas como a manga e abacaxi. Outros como carne muito fibrosas e bacalhau também devem ser ingeridos com cuidado, ficam retidos no aparelho e podem acabar provocando cáries e inflamações na gengiva

  • Alimentos espumantes, Coca-Cola e outros refrigerantes

São o fruto proibido para quem usa aparelho ortodôntico fixo, o açúcar e os ácidos contidos são o pior inimigo para quem pretende ter uma correção de dentes sem maiores problemas.

  • Cenoura e frutas

NÃO é proibido comer cenouras e frutas que sejam duras, como peras e maçãs, pelo contrário, são essenciais para a saúde. Mas estes alimentos devem ser cortados com uma faca em pedaços pequenos, NUNCA com os dentes: a probabilidade de soltar o fio ortodôntico e descolar peças do aparelho são muito grandes.

 

 

Sua gengiva sangra?

As gengivas são uma parte extremamente sensível da cavidade bucal e estão expostas ao contato direto com muitas bactérias que se não forem eliminadas com uma higiene adequada, podem dar lugar à inflamação, à vermelhidão e à irritação das mesmas. A presença de placa bacteriana é um dos principais motivos que origina problemas na saúde das gengivas, mas também há outros fatores que influenciam em seu inchaço.

escova-de-dentes-e-gengivite-dos-desenhos-animados-64977904.jpg

GENGIVITE

  1. A causa mais comum da inflamação das gengivas é sofrer de gengivite. Trata-se de uma doença leve das gengivas que além de inflamação, provoca irritação, vermelhidão, inchaço e inclusive sangramento ao escovar os dentes ou usar o fio dental. Esta costuma ser ocasionada por uma acumulação da placa bacteriana, que contém bactérias que atacam as gengivas provocando sua inflamação. É fundamental manter uma higiene bucal adequada para evitar seu aparecimento e visitar o dentista assim que forem notados os primeiros sintomas, pois caso contrário esta condição avançará e piorará podendo levar a periodontite.

  2. O alinhamento anormal dos dentes, chamado de oclusão dental incorreta, é outra condição que pode dar resposta à pergunta de por que as gengivas inflamam. Esta impede que os dentes superiores encaixem bem com os inferiores, dificultando assim a mordida, provocando alterações nas gengivas e inclusive dificuldades na respiração bucal. Esta situação requer um tratamento de ortodontia a fim de corrigir a posição dos dentes e evitar doenças periodontais e transtornos nas articulações e músculos que se encarregam da mastigação.

Lentes de Contato Dental

Caso novo de lentes de contato dental!

São as facetas superfinas feitas de porcelana para corrigir imperfeições, manchas leves, lascas e fraturas. A principal vantagem desse método é evitar o desgaste do esmalte natural da pessoa, ao contrário do que fazem as facetas comuns. Agende uma consulta e saiba mais sobre as lentes de contato dental.

lentesdecontatodental

Semana da Mulher: Conheça o segredo do sorriso das famosas!

O culto por uma aparência impecável não se restringe apenas à boa forma. Além de uma pele de pêssego e de cabelos impecáveis, é possível incluir entre os itens mais desejados pelas mulheres, e por muitos homens também, um belo sorriso, digno dos comerciais de pasta de dentes.

estetica-01-abre

Ao ver seu novo sorriso no espelho, a atriz Regina Duarte sentiu-se constrangida. Os dois dentes da frente não estavam mais ligeiramente encavalados, marca registrada desde 1964, data de seu primeiro close, ainda adolescente, como garota-propaganda da Kolynos. O tom um pouco amarelado, nítido nas gargalhadas escancaradas da Viúva Porcina da novela Roque Santeiro (1985), também havia se transformado em um branco ofuscante.

Aos 69 anos, a rainha dos folhetins brasileiros agora ostenta uma boca cintilante, ao melhor estilo da cantora Sandy. “Vi e pensei: ‘Credo!’. Estava tudo lindo demais, tão arrumadinho que até senti certa vergonha, deu vontade de tomar café para tirar aquele aspecto imaculado”, contou a atriz na terça (16), antes de ser atendida por seu dentista no Ateliê Oral, clínica na Vila Nova Conceição.

Ao ligar a TV, porém, notou: esse sorriso tão perfeito, que às vezes beira o antinatural, virou quase um uniforme bucal entre estrelas de novela. A própria Regina, que acabou se acostumando e aprovando o resultado, seguiu o conselho de uma colega que havia passado pela repaginada. “Ela olhou bem para mim, analisou meu rosto e disse: ‘Com a nova tecnologia de imagem em high definition (HD) das emissoras, você precisa cuidar melhor dessas suas restaurações’.”

Na sala do dentista Marcelo Kyrillos, a atriz embarcou na onda da estética odontológica: laminados de porcelana. São pequenas peças confeccionadas artesanalmente ou por meio de impressoras 3D, que custam entre 1 800 e 5 000 reais cada uma, dependendo do profissional. Elas têm de 0,2 a 0,5 milímetros de espessura e são colocadas sobre o esmalte com cola especial, dente por dente.

Lentes de contato de porcelana
Lentes de contato de porcelana: preço varia de 1 800 a 5 000 reais por dente (Foto: Divulgação)

Trata-se de uma estrutura definitiva, que raramente cai, e requer uma manutenção simples, como a limpeza. As mais finas, que não precisam de desgaste dental antes da colocação, são chamadas de lentes de contato. As grossas ficaram conhecidas como facetas e precisam de brocas (o famigerado motorzinho) no processo.

Veja aqui a reportagem do Dr Milton Raposo da clínica MR Estética Dental para o Bem Estar

Para garantir o close impecável em HD, outros astros globais usam a ponte aérea especialmente para construir seu sorriso aqui ou fazer a manutenção do trabalho. “Venho duas vezes por ano, de preferência antes de começar a gravar uma novela”, diz Henri Castelli, que aplicou lentes nos dentes da frente. Além do galã, Reynaldo Gianecchini, Rafael Cardoso e Malvino Salvador fizeram a recauchutagem no mesmo Ateliê Oral, um dos pródigos em clientela estrelada.

Continuar lendo

Semana da Mulher: Saiba por que a saúde bucal dos membros da família depende de você!

Estudo recente do IBGE indica que pouco mais de 50% dos homens declararam cuidar ou ajudar nos afazeres domésticos contra um índice de 90% das mulheres.

003-3_Cuidadores_Thumb_1.jpg

Mesmo com os movimentos de emancipação feminina, iniciados após a segunda guerra mundial e acelerados após a introdução da pílula anticoncepcional nos anos sessenta, a mulher brasileira ainda responde por quase todo o trabalho doméstico, pois estudo recente do IBGE indica que pouco mais de 50% dos homens declararam cuidar ou ajudar nos afazeres domésticos contra um índice de 90% das mulheres.

A mulher, além de atuar na manutenção da casa, é igualmente responsável pela escolha e preparação dos alimentos que são consumidos pela família, sendo uma autêntica provedora da saúde bucal do seu núcleo familiar. Já que a principal função dos dentes é a mastigação, os cuidados com a saúde bucal são de grande importância para uma correta alimentação dos membros da família. O consumo de açúcar, por exemplo, contribui para o aparecimento de cáries e este alerta vale também para alimentos de baixo valor nutricional ricos em açúcares escondidos, como salgadinhos, ketchup, refrigerantes e sucos de frutas industrializados e frequentemente consumidos pelas crianças.

A saúde bucal começa na barriguinha da futura mamãe:

Durante o período de gravidez, a mulher tem importante papel na formação do bebê, já que a partir do quarto mês de gestação, por exemplo, começam a se formar as papilas gustativas da criança. Assim, a alimentação da mãe durante esse período exercerá grande influência na preferência do filho por determinados tipos de alimento e, por isso, a gestante deve evitar o consumo de doces, o que também evitará o surgimento de cáries em si própria, estimulando-se por outro lado o consumo de frutas, verduras e legumes.

Semana da Mulher: 5 dicas para um Sorriso Hollywood!

Estudos comprovam que uma pessoa que está sempre com um belo sorriso no rosto tem melhores relacionamentos amorosos, melhores oportunidades na carreira e mais amigos.

World War Z - World Premiere - Red Carpet Arrivals

O sorriso é com certeza o item mais importante de beleza que uma pessoa pode ter.
Veja a seguir 5 dicas de como ter um sorriso de Hollywood:
1 – Dentes claros

 

Dentes claros brilham e iluminam o sorriso e o rosto de qualquer pessoa. Se você não tem dentes naturalmente claros, talvez você esteja precisando de um clareamento dentário. Existem basicamente duas formas de clareamento dentário: o clareamento caseiro em que o dentista faz um molde da boca do paciente e então fabrica uma placa flexível para o paciente usar o gel clareador em casa. E também existe o clareamento a laser, realizado no consultório do dentista. O clareamento caseiro demora pelo menos dez dias para alcançar resultados excelentes, enquanto que o clareamento a laser é realizado em uma ou duas visitas ao dentista. O clareamento caseiro, por outro lado, tende a ter um resultado mais duradouro. Os melhores resultados são alcançados quando os dois tipos de clareamento são combinados. O paciente inicia o processo de clareamento com o método a laser e depois continua com o clareamento caseiro. Os dentes atingem um tom mais claro em um tempo menor. Uma dúvida recorrente é quanto claro deve ser um dente para que ele fique natural. E essa resposta é muito individual, pois depende de vários aspectos pessoais, como cor da pele, cor dos olhos, idade e motivo do amarelento dos dentes.

2 – Hálito refrescante

 

Sem dúvida nenhuma, ninguém quer ter mau hálito. Um hálito saudável é aquele que passa a sensação de higiene, de boca saudável. A limpeza da língua e dos dentes é essencial para a obtenção de um hálito agradável, mas não é a única responsável por isso. As doenças bucais podem causar mau hálito, mesmo quando se mantém uma higienização adequada. Assim, para ter um hálito agradável, faça consultas periódicas com seu dentista, para a prevenção e o tratamento das doenças bucais.

3 – Lentes de contato dentais

 

Um sorriso bonito depende de dentes de tamanho e forma harmônicos. Nem todo mundo tem dentes de cores e formas perfeitos, mas a Odontologia moderna tem soluções práticas e rápidas para estes casos. A última moda da Odontologia estética, as “lentes de contato” dentais são camadas extremamente finas de porcelana que são coladas nas superficies dos dentes. Sua principal função é a alteração do formato do dente, e sua principal vantagem é o mínimo desgaste da estrutura natural dos dentes. Estética, tecnologia e saúde unidas para melhorar o sorriso das pessoas. Saiba mais aqui!

4 – Alimentação saudável

 

A saúde começa pela boca! Alimentos processados, congelados ou ricos em açúcar são os maiores vilões para a saúde bucal, causando cáries e favorecendo o aparecimento de doenças gengivais. Apesar da Odontologia atual estar bastante focada nos tratamentos estéticos, não podemos esquecer que é pela boca que entram os nutrientes essenciais para a nossa vida. A saúde geral é totalmente influenciada não só pelos alimentos que ingerimos, mas também pela digestão destes alimentos. E a boa mastigação é essencial para uma boa digestão. Alimentação e mastigação corretas também são importantes para a saúde dos dentes e de toda a parte músculo-esquelética da face.

5 – Higiene bucal

 

Restos de alimentos e bactérias entre os dentes causam gengivas inchadas e vermelhas, dentes cariados. As doenças bucais mais comuns, gengivite e cárie, são as principais responsáveis pelas visitas ao dentista. Mas, por outro lado, são as mais fáceis de serem evitadas. Uma correta higienização, através de escova, pasta de dentes e fio dental, é capaz de prevenir estas doenças, além de deixar uma sensação agradével de limpeza.
Agende sua avaliação!